Ao optar por um software de controle de frota, o gestor deve esclarecer suas dúvidas e garantir que os benefícios a curto e longo prazo realmente se tornem realidade

Boa parte dos gestores de empresas e transportadoras reconhece a importância de utilizar a tecnologia da informação como uma aliada para vencer os desafios do mercado e da crise. Com ela, é possível automatizar processos, otimizar serviços e economizar em materiais, combustível e mão de obra.

As transportadoras e empresas que possuem frota própria adquirem cada vez mais softwares que auxiliam no controle de frota. Com esses sistemas, é possível controlar desde o uso de IPIs até o gasto com combustível, manutenção e pneus

Ao contratar um software de controle de frota, o gestor deve ficar atento a alguns fatores fundamentais

No entanto, na hora de realizar a contratação, é prudente tirar dúvidas e deixar bem expostas suas necessidades. Deixamos aqui 10 perguntas que você, gestor, deve fazer ao adquirir um software de controle de frota.

1 – Não é arriscado investir dinheiro e ainda não ter o retorno esperado?

Uma das principais funções de um software de controle de frota é atingir diretamente fatores que causam desperdício de tempo e dinheiro na empresa. Ele age nas causas do atraso na entrega do cliente, no desperdício de combustível, na quebra de caminhões por falta de manutenção preventiva, etc.

Desta forma, é possível concluir que identificando os problemas e diminuindo suas incidências, os custos diminuirão e o atendimento ao cliente será mais satisfatório. Por isso que o controle de frota apresenta resultados a curto e longo prazo, permitindo o retorno do investimento.

2 – Quais são os módulos disponíveis no sistema de controle de frota? Com eles, quais serão meus ganhos reais?

Os módulos disponíveis no sistema de controle de frota são: veículo, almoxarifado, manutenção, pneus, abastecimento, atrelamento, EPI/EPC, despacho, gestão de condutores, pedágio, apólice de seguro, portaria e custos adicionais. Leia mais sobre cada um deles AQUI.

Por exemplo, se, hipoteticamente, a empresa possuir 15 veículos, é possível economizar R$ 366 em diesel por veículo. Mensalmente, isso pode atingir até R$ R$ 5.490,00 de economia. Ao ano, representa quase R$ 66 mil.

Com o módulo de pneus e manutenção a economia também é notável. Com o melhor controle de rodízios e uso dos pneus, diminuem-se imprevistos ou extravios. Com a manutenção em dia, também, as chances de gastar com peças desnecessariamente ou o caminhão quebrar em meio a uma entrega são bem mínimas.

É possível, ainda, verificar se os hábitos dos motoristas trazem prejuízos à empresa, com multas, excesso de velocidade e, consequentemente, gasto de peças e combustível, e remunerar aqueles que exercem corretamente o serviço.

3 – Como saberei que realmente se está havendo progressos em minha empresa? Terei acesso a relatórios e estatísticas?

Sim, o software possui o painel de controle (dashboard) para que o gestor avalie os avanços de sua empresa, com gráficos, números e resultados.

4 – É muito difícil de utilizar?

Um sistema de controle de frota possui interface interativa e fácil utilização, ou seja, os usuários não terão dificuldade em trabalhar com cada um de seus módulos, porque eles são bem explicativos. No entanto, para que o usuário explore todos os recursos do sistema, é passado um treinamento onde todas as dúvidas quanto ao uso são sanadas.

5 – E como farei para treinar minha equipe?

No caso da Sialog, fazemos um treinamento com o usuário chave ou facilitador, que posteriormente repassará para a equipe de colaboradores. As horas de treinamento (que podem ser tanto remotamente quanto presencial) variam entre a quantidade de veículo e os módulos adquiridos pela empresa. Para simplificar o entendimento, por exemplo, uma empresa de pequeno porte que adquire o sistema com todos os módulos possui direito a 20 horas de treinamento. De médio porte, 30 horas, e de grande porte, 50 horas.

Ressalvando: as horas dependerão do tipo de serviço que a transportadora ou empresa quer adquirir.

6 – A partir da contratação, quando terei acesso ao sistema?

Após o fechamento do contrato, o cliente já terá acesso ao sistema em dois dias.

7 – Caso eu tenha algum problema ou dúvida quanto ao sistema, quem devo contatar?

A equipe de suporte, que possui profissionais dedicados e qualificados para atender seu chamado. O suporte funciona em horário comercial, 2ª a 6ª feira, das 8h às 12h e das 13h30 às 19h00.

8 – Todos os usuários terão acesso às informações sigilosas?

Não necessariamente. O software possibilita criar usuários com diferentes tipos de permissões, além de poder fiscalizar quem alterou e em qual momento.

9 – Posso realizar a contratação por módulos que me interessem e não pelo sistema completo?

Sim, o cliente pode escolher os módulos que melhor atendem suas necessidades.

10 – Utilizo um sistema ERP. É possível realizar a integração?

No caso da Sialog, seu sistema de controle de frota é totalmente flexível e integrável a todos os sistemas já utilizados pela empresa.